Avaliação Psicológica Psicanalítica

50€/sessão de avaliação.

Esta avaliação foi construída para destinatários com formação psicanalítica, quer sejam psicanalistas, psiquiatras, pedopsiquiatras ou psicoterapeutas psicanalíticos.

Esta avaliação pode ser solicitada pelo próprio. Neste caso o relatório será "traduzido" da linguagem psicanalítica para uma linguagem acessível e compreensível pelo próprio. 

Esta avaliação é realizada exclusivamente por psicólogos clínicos, que são também psicoterapeutas com formação psicanalítica. Pela sua formação detêm a vantagem de poderem realizar uma observação muito abrangente acerca do examinando: desde os sintomas, a personalidade base, a dinâmica relacional, recursos defensivos organizadores e patológicos (entre os quais aqueles que interferem na relação com o examinador como aspetos transferenciais, projeção, identificação projetiva, etc).

Objetivos 

Um dos objetivos subjacentes ao pedido de avaliação psicológica de abordagem psicanalítica é o esclarecimento de diagnóstico.

O diagnóstico em psicanalise corresponde a uma compreensão que vai muito além do agrupamento de comportamentos e sintomas psicopatológicos em categorias, como encontramos em manuais de diagnóstico como o DSM ou o ICD. O corpo teórico da psicanalise permite uma compreensão global do funcionamento de um sujeito, desde a estrutura de personalidade; compreensão dos sintomas apresentados, distinção entre defesas patológicas e recursos adaptativos; compreensão da angústia latente e compreensão do funcionamento mental integrado na história do sujeito e nas dinâmicas de relacionamento mais determinantes.

No que toca ao interesse da avaliação para a psicoterapeutas e psicanalistas destacamos os seguintes:

Entrevista

Uma entrevista em contexto avaliativo pode ser livre ou diretiva, mas impõem-se algumas limitações já que em contexto avaliativo a entrevista é uma técnica e não “a técnica”: um examinador inicia uma entrevista com vários aspetos em mente (o objetivo da avaliação, as hipóteses iniciais; construção da história do sujeito e da história da doença; planeamento da bateria de provas a utilizar). A Avaliação Psicológica Psicanalítica é exclusivamente realizada por examinadores que estejam não só treinados neste trabalho, como também que detenham um vasto conhecimento acerca de estrutura de personalidade, funcionamento mental e psicopatologia.

Provas utilizadas

Nesta avaliação são privilegiados instrumentos de avaliação projetiva (como por exemplo o Rorschach; TAT; CAT) que permitem uma análise profunda e detalhada da estrutura de personalidade e funcionamento mental, com acesso às angústias latentes e defesas operacionalizadas para fazer face à angústia. Apesar de algumas destas provas comportarem uma componente psicométrica (como por exemplo o Rorschach) é frequente que utilizemos escalas de personalidade (MMPI e Millon) de acordo com as exigências intrínsecas ao pedido da avaliação.

Relatório

Um relatório deve responder objetivamente ao pedido e conter a informação útil para a compreensão das conclusões.
Nesta avaliação, o relatório faculta a compreensão da mente humana e da psicopatologia num referencial psicanalítico. O examinador elabora em extensão e profundidade os aspetos da vida psíquica inconsciente e pulsional que não teriam qualquer interesse para psicólogos de outras correntes, mas que são de elevadíssima importância para psicanalistas. 

Este documento permitie o acesso à compreensão dos seguintes aspetos:

 


Marcar consulta